Wagner Moura e Alice Braga são protagonistas de Elysium, confira entrevista


Em uma entrevista de imprensa descontraída os atores Wagner Moura e Alice Braga explicam que afinal, fazer um filme de ação não é tão difícil.


Wagner Moura (Spider) faz sua estreia no cinema americano com o filme Elysium ao lado da “veterana” Alice Braga (Frey), e hoje em entrevista coletiva os atores falaram sobre algumas curiosidades do longa e também sobre o futuro nos filmes internacionais.

Para Wagner o maior desafio foi o idioma, apesar de uma forte doença durante as filmagens. “Conversei com Rodrigo Santoro e ele me disse que com o tempo e a prática as dificuldades com o idioma passam.” Eu falo inglês, mas não tinha familiaridade com aquelas palavras. Demorei a me acostumar com a criatura [Spider, seu personagem no filme] e foi graças a Alice que consegui corrigir os meus erros, passamos muito tempo ensaiando os diálogos, e  ela foi a pessoa que mais me apoiou desde que cheguei em Vancouver. Tive um grave problema com pneumonia e ela literalmente me salvou. Me sentia sozinho longe da minha família e dos meus três filhos, serei eternamente grato. Se ela não estivesse por lá a minha situação iria ser f****.

Alice Braga, simpática, completou. “Cinema é uma coisa só no mundo todo. A maneira de fazer é igual, a única diferença é o orçamento que neste filme é muito maior do que estamos acostumados.”, ambos concordaram. E Wagner completou. – Spider manca e eu treinei muito para fazê-lo assim, em um determinado momento o diretor disse que não usaríamos aquela característica do personagem e eu insisti e pedi até uma bengala. Pouco tempo depois a produção conseguiu um monte de modelos para eu escolher. Coisa que não estamos acostumados a ter aqui no Brasil, 50 muletas em 10 minutos (risos).

Alice também conta como foi o seu pior momento. – Eu acho que o “meu momento mais difícil” foi carregar a pequena atriz Emma Tremblay (Matilda, filha de Frey) durante parte do filme, em um ano a menina ficou incrivelmente mais pesada. Risos. Afinal tivemos que refazer algumas cenas quase um ano depois e nossa, como ela cresceu.

http://i1.r7.com/data/files/2C96/1617/405C/1C68/0140/6442/7352/3DB9/Elysium-Alice-Braga.jpg
Alice Braga e a pequena Emma Tremblay/Divulgação

Falando ainda sobre o idioma. Alice explica que o diretor em um determinado momento das filmagens pediu a ela que Frey falasse em espanhol e não em português. “- E me pediu que falasse em Espanhol, eu acho que esse foi o idioma padrão que escolheram para os moradores.”, já Wagner completa. “- Para mim eu continuava falando português, o meu personagem era brasileiro e pronto, não consigo imaginar em espanhol e depois em inglês, para mim é português sempre.”.

A nacionalidade de Wagner rendeu uma das revelações mais interessantes da coletiva. Em seu braço Wagner tem tatuado uma bandeira do Brasil, em um determinado momento ele conta que o ator Matt Damon, protagonista do filme, confundiu o desenho e perguntou “Cara, por que você tem um hambúrguer tatuado no braço?”. Bem humorado Wagner fez piada com o americano. É a bandeira do meu país! Mais respeito, p**** [risos].”

– Não sei como será o meu futuro no cinema, eu tenho outras possibilidades, mas como sou um cara chato, pra fazer um negócio para um novo filme eu tenho que achar muito legal.

O filme ELYSIUM (Elysium) liderou as bilheterias neste final de semana nos cinemas americanos. O filme estreou na última sexta-feira e arrecadou US$ 30,4 milhões em apenas três dias.

No ano de 2159, existem duas classes de pessoas: os muito ricos, que vivem numa estação espacial imaculada construída pelo homem, chamada Elysium, e os demais, que vivem na Terra arruinada e superpovoada. As pessoas na Terra estão desesperadas para escapar da criminalidade e da pobreza do planeta, e precisam desesperadamente da assistência médica de ponta disponível em Elysium – mas alguns residentes de Elysium farão de tudo para impor o cumprimento das leis anti-imigração e preservar o estilo de vida luxuoso dos seus cidadãos. O único homem com alguma chance de trazer igualdade a esses mundos é Max (Matt Damon), um sujeito comum que precisa urgentemente chegar a Elysium. Com a sua vida em risco, ele assume a contragosto uma missão perigosa que o colocará cara a cara contra a Secretária Delacourt (Jodie Foster), de Elysium , e seu exército linha-dura. Se ele for bem-sucedido, entretanto, poderá salvar não só a sua própria vida, mas também a de milhões de pessoas na Terra.

 

Adicione seu comentário


Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *