Na Terça das Artes, 13, o Curta! exibe “Lecuona”, episódio inédito da série “Grupo Corpo – Repertório”. O documentário mostra o espetáculo que abriu exceção à regra de só trabalhar com trilhas especialmente compostas para o grupo.

Admirador das canções de Ernesto Lecuona, um dos maiores ícones da música cubana, o coreógrafo Rodrigo Pederneiras decidiu dar o nome do compositor a este balé que dança amores, volúpia, ciúmes, desilusões amorosas, saudades, desprezo, rancor, indiferença.

Com longa carreira no cinema, tendo assinado a fotografia de filmes como “O Invasor” (Beto Brant), “O Outro Lado da Rua” (Marcos Bernstein), “Cidade Baixa” (Sérgio Machado), “Cão Sem Dono” (Beto Brant e Renato Ciasca) e “Estômago” (Marcos Jorge), Toca Seabra é o destaque da série “Luz e Sombra – Fotógrafos Brasileiros”, nesta Quarta de Cinema, dia 14. Em depoimento para o episódio, o fotógrafo revela que já recusou participar de mais de 30 projetos e dispara: “Eu prefiro fazer comercial do que fazer filme ruim. Eu adoraria viver exclusivamente de longa-metragem. Mas é difícil ter dois projetos incríveis para fazer todo ano”. Seabra destaca “Dia da Caça” (Alberto Graça) como o filme que o firmou na carreira e relembra o prazer de trabalhar com Paulo José, Luís Miranda e Irandhir Santos em “Quincas Berro D’Água” (Sérgio Machado).

O “A Vida É Curta!” da semana apresenta duas obras biográficas de peso. A estreia da semana fica por conta de “Glauces, Estudo de um Rosto”. O diretor Joel Pizzini Filho lança mão de trechos de diferentes filmes para homenagear uma das maiores atrizes do cinema brasileiro: Glauce Rocha. O curta traz imagens que não foram utilizadas em “Terra em Transe”, de Glauber Rocha, e um poema de autoria de Pizzini e Sérgio Medeiros, com narração de Paulo Autran. Na sequência, o documentário de Rogério Sganzerla, “A Linguagem de Orson Welles”, mostra imagens sobre a passagem do cineasta norte-americano pelo Brasil, além de depoimentos sobre ele que foi também roteirista, produtor e ator.

Na Quinta do Pensamento, dia 15, a série “Impressões do Mundo” apresenta Samanta Schweblin, escritora argentina da nova geração, conhecida por seus contos fantasiosos. Vencedora do “Prêmio Casa De Las Américas”, em 2008, e eleita como uma das 22 melhores escritoras de língua espanhola da nova geração em 2010 pela revista britânica Granta, a autora revela neste episódio que jamais pensou que seria escritora. Suas obras já ganharam traduções para várias línguas, entre elas, inglês, francês, sueco, holandês e português e trazem uma narrativa com elementos perturbadores que, segundo ela, são o ingrediente que a motivam a escrever cada vez mais.

 

SEGUNDA DA MÚSICA

A Alma Roqueira de Noel (Documentário)

O roqueiro Paulo Miklos mergulha no universo do samba e cria um show em homenagem ao centenário de Noel Rosa. O documentário mostra os bastidores do show, a visita à Velha Guarda da Vila Isabel; a parceria com o Quinteto em Branco e Preto e com importantes sambistas como Osvaldinho da Cuíca e Fabiana Cozza, além de participações do rapper e apresentador Rappin’ Hood e da compositora Malu Magalhães.

Diretor: Alex Miranda

Duração: 70 min.

Exibição: 12 de setembro, segunda-feira, às 22h30.

Classificação: Livre

Horários alternativos:

Dia 13 de setembro, terça-feira, às 2h30 e às 16h30;

Dia 14 de setembro, quarta-feira, às 10h30;

Dia 17 de setembro, sábado, às 10h30.

Adicione seu comentário VIA FACEBOOK

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *