Posts Relacionados

A atriz Lindsay Wagner  postou em seu twitter uma foto dos bastidores das filmagens de um spin-off da aclamada série dos anos 70/80 O homem de seis milhões de dólares.

 

 

Já fizemos uma matéria aqui no Aumanack sobre O Homem de 6 milhões de dólares

The Six Million Dollar Man foi uma série de televisão norte-americana produzida e exibida entre 1974 a 1978 pelo canal ABC.

A série é sobre o ciborgue Steve Austin, interpretado pelo ator Lee Majors. No Brasil a série se denominou O Homem de Seis Milhões de Dólares ou também de O Homem Biônico. A série era na época costumeiramente reprisada pela Rede Bandeirantes.

O programa se baseou no livro Cyborg de Martin Caidin de 1972, que se tornou um best-seller, com três sequências: Cyborg II: Operation Nuke, Cyborg III: High Crystal, e Cyborg IV. A série foi antecedida por três filmes de televisão, de 1973.

O primeiro filme, com o mesmo nome da série mas que também ficou conhecido como Cyborg: Six Million Dollar Man (que deu origem ao outro nome que a série ficou conhecida no Brasil:”Ciborgue, o homem de seis milhões de dólares”).

O programa trazia episódios de 60 minutos, produzidos por Harve Bennett. Deu origem (spin off) à série da “Mulher Biônica” ou The Bionic Woman.

A idéia da “mulher biônica” apareceu em 1975, num episódio de duas partes chamado “The Bionic Woman”. Nele, aparece a personagem de Jaime Sommers, uma jogadora de tênis profissional e antigo interesse amoroso de Austin, que sofreu a cirurgia dos implantes biônicos após ter se acidentado em uma queda de paraquedas. Seus implantes eram similares a de Austin, mas na história falham e ela morre. Com a popularidade da personagem, ela foi revivida na temporada seguinte (por intermédio da criogenia), ganhando em 1978 sua própria série.

(1973) – Adaptação do livro feita por Howard Rodman (com o pseudônimo de Henri Simoun).Indicado para o prêmio Hugo (Hugo Award). Na história do filme, Austin era um astronauta civil e não oficial da Força Aérea. O filme introduziu os sons eletrônicos característicos da série, a corrida em câmara lenta (slow motion), para simular o efeito contrário (provavelmente inspirado nas cenas de ação de Kung Fu), ou seja, a velocidade. No filme aparece também o personagem de Oscar Goldman (chamado de Oliver Spencer, interpretado por Darren McGavin), o supervisor de Austin da organização chamada OSO. O líder do projeto dos implantes biônicos era o Dr. Rudy Wells (Martin Balsam). Em outras ocasiões o cientista seria interpretado por Alan Oppenheimer e Martin E. Brooks.

Outros filmes ainda em 1973:Wine, Women and War e Solid Gold Kidnapping. O último fime, produzido por Glen A. Larson, introduziu a ambientação de James Bond para a série e restabeleceu Austin como um coronel da Força Aérea.

Steve Austin e Jaime Sommers retornaram em três sequências feitas para a TV: The Return of the Six Million Dollar Man and the Bionic Woman (1987), Bionic Showdown (1989) – com Sandra Bullock como uma nova mulher biônica; e Bionic Ever After? (1994) em que Austin e Sommers finalmente se casam. Majors faz o papel de Steve Austin em todas as sequências, acompanhado também de Richard Anderson e Martin E. Brooks. No filme de 1987 o avião do acidente foi mudado para “M3F5”, sigla usada no livro original.

Nos anos 1990 o diretor Kevin Smith escreveu um roteiro (DVD “An Evening with Kevin Smith 2: Evening Harder” de 2006), pretendendo Chris Rock para o papel.

Em 2003,announcement foi anunciado o projeto com Jim Carrey.

Em 2007, o canal NBC exibiu a versão da Bionic Woman com elementos retirados de The Six Million Dollar Man. Jaime Sommers teve um olho biônico implantado, além das tradicionais habilidades.

 

 

Update (Nota de falecimento): Dia 31 de Agosto de 2017 o querido ator Richard Anderson que interpretou o personagem Oscar Goldman infelizmente nos deixou aos 91 anos de idade.

Anderson foi um dos primeiros atores a interpretar o mesmo personagem em duas séries ao mesmo tempo na televisão americana.
O ator viveu por anos Oscar Goldman, chefe da organização governamental secreta presente nas produções, que foram exibidas entre 1973 e 1978.
No cinema, ficou conhecido ao atuar em “Glória feita de sangue” (1957), de Stanley Kubrick. Seu último filme foi “The blood trail”, lançado em 2015.

Adicione seu comentário VIA FACEBOOK

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *