Uma das grandes joias da animação japonesa o mangá A Princesa e o Cavaleiro teve origem e publicado em três versões de 1954 a 1966 e o anime exibido em 1967 no Japão e exibido no Brasil no início da década de 1970 na Rede Record de São Paulo, e posteriormente na TVS do Rio de Janeiro até os anos 80. O mangá tem forte inspiração nos temas e estilos dos musicais do Teatro de Takarazuka a que Tezuka assistia em sua infância. O próprio Ribbon no Kichi criou um gênero inédito no mundo, o de quadrinhos que tem como público alvo as meninas (chamado shoujo) e estabeleceram muitos dos temas dos shoujos posteriores.

Em um dos episódios a protagonista Safiri encontra em seu caminho uma enorme carruagem que tem em seu interior um espelho mágico inspirado no seu meio irmão da Branca de Neve que revela a sua atual dona que Safiri é menina e que é mais bonita que ela.

Bem, mas essa é outra história que você pode conferir no vídeo a seguir.

A curiosidade nesse episódio é que a linda carruagem tem como base algumas engrenagens que a transforma em um lindo castelo. Algo fantástico mesmo para uma animação e que me surpreendeu quando assisti a primeira vez, e me fascina até hoje.

Há séries e filmes em que grandes visionários inspiram cientistas e inventores a criarem coisas fantásticas, e felizmente esse anime de Tezuka pode ter incentivado essa empresa.

 

Para assistir o episódio na íntegra basta voltar no começo.

 

Veja como funciona a casa desmontável.

A empresa de engenharia Ten Fold desenvolveu um projeto, no mínimo, ousado – o de uma casa que pode ser dobrada e movida para qualquer lugar de sua preferência. As estruturas custam cerca de 129 mil dólares e podem ser controladas a partir de um botão. O desdobramento dura cerca de 10 minutos. A dúvida do pessoal que se interessou por essa modernidade é só uma: e se o botão for apertado quando você estiver dentro da casa?

 

 

 

Compre o livro na amazon: bit.ly/estradaparayellowrose

Adicione seu comentário VIA FACEBOOK

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *