Posts Relacionados

Ninguém imaginava que 50 anos depois, inspirado pelo tio Napoleão, Luís Bonaparte aplicaria mais um golpe na França, e que no calor do momento, Karl Marx escreveria os fatos históricos com análise dos impactos na sociedade francesa

Para caracterizar a natureza íntima dos fenômenos sociais concretos, o escritor alemão Karl Marx produziu a obra “O 18 de Brumário de Luís Bonaparte”, relançado neste mês pela Edipro, em que aborda circunstâncias que antecederam o golpe de Luís Bonaparte, a forma como o déspota manipulou todo Estado e o impacto à sociedade da França.

Neste ensaio, Marx analisa fatos históricos em que Luís Bonaparte, após 50 anos do mesmo feito de seu tio Napoleão Bonaparte, toma o poder da França de forma ilegítima, após ser proibido de se reeleger a um segundo mandato pela constituição e pelo parlamento. Depois da Revolução de 1848, o chamado Napoleão III conseguiu ser eleito deputado e, logo após, novamente presidente. Em 1852 colocou fim à Segunda República, tornando a França novamente império e ele o imperador.

Marx retoma Hegel ao afirmar que a história se repete, mas acrescenta: “uma vez como tragédia, e outra como farsa”. E, ainda, relaciona os acontecimentos com as teorias de luta de classes e de revolução operária.

O filósofo demonstra que as revoluções feitas pela burguesia tinham o intuito de alimentar a máquina estatal e oprimir classes. Neste sentido, expõe pela primeira vez a tese de que o proletariado não deve ser protagonista nestas lutas, mas sim pôr um fim a elas.

Escrito durante a ocorrência dos fatos, entre dezembro de 1851 e fevereiro de 1852, sua primeira publicação foi em 1852, com o título Der 18te Brumaire des Louis Napoleon, na estreia da revista alemã Die Revolution.

Juntamente com O capital e O manifesto do Partido Comunista, O 18 de Brumário de Luís Bonaparte forma a base do materialismo histórico dialético, uma das maiores contribuições de Karl Marx às ciências sociais e econômicas. Uma obra indispensável para estudantes de sociologia, história e economia.

Sobre o autor: Karl Marx (1818-1883) foi filósofo, sociólogo, jornalista e revolucionário. Nascido na Prússia, relegou à História obras que contribuíram para as ciências sociais e econômicas, em especial relacionadas ao trabalho e ao modelo de produção capitalista. Estudou nas universidades de Bonn e de Berlim, logo começando uma carreira jornalística em publicações políticas radicais. Em Paris, conheceu Friedrich Engels, que se tornou um grande amigo e seu maior colaborador. Exilado, mudou-se com a família para Londres em 1849 e engajou-se em campanhas de promoção do socialismo, assumindo um papel central na Associação Internacional dos Trabalhadores.

Ficha técnica:

Editora: Edipro

Gênero: Ciências sociais

Preço: R$ 35,00

ISBN: 9788552100126

Edição: 1ª edição, 2017

Tamanho: 14×21

Número de páginas: 112

Adicione seu comentário VIA FACEBOOK

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *