Posts Relacionados

Todos os filmes com temática LGBQT exibidos em mostras oficiais do Festival de Cannes competem pelo prêmio. Este ano, o curta brasileiro “O Órfão”, dirigido por Carolina Markowicz e produzido por Mayra Faour Auad/YOURMAMA, foi o vencedor do Queer Palm Prize do Festival de Cannes. O anúncio do resultado aconteceu hoje, sexta-feira, 17 de maio.

O curta foi selecionado para a Mostra dos Realizadores.  O júri do prêmio é presidido pela produtora francesa Sylvie Pialat, a mulher por trás do indicado ao Oscar “Timbuktu” e pelo vencedor do Queer Palm Prize “Stranger by the Lake”.

Inspirado em uma história real, o filme narra a história de Jonathas, adotado e depois devolvido por causa do seu “jeito diferente”. Kauan Alvarenga, Clarisse Abujamra, Georgina Castro, Ivo Müller e Julia Costa integram o elenco.

Compre o livro na amazon: bit.ly/estradaparayellowrose

Adicione seu comentário VIA FACEBOOK

Powered by Facebook Comments