Segundo alguns internautas, considerado o “Thanos” do humor brasileiro por levar a “falência” vários programas, Mauricio Meirelles é um veterano, e como tal é antenado com o que acontece nas redes sociais, – e esse gancho é o estopim do início do seu show em São Paulo no Teatro Renaissance.

Com passagem pelo Pânico, pelo CQC o humorista brinca que é um verdadeiro azarado se tratando de estabilidade.

“Eu participei do Pânico, ele acabou. Participei do CQC, ele acabou. Participei do Vídeo Show e ele acaba de encerrar as atividades… Então se você tá fazendo uma festa de casamento, ainda há tempo de me chamar”, brincou.

View this post on Instagram

Aceito convites

A post shared by Maurício Meirelles (@maumeirelles) on

Considerado o melhor show de stand up do Brasil em 2016 e 2017, esse novo espetáculo do humorista reúne piadas inéditas como o encerramento do programa da Globo e permanece com quadros antigos como o Webbullying.

Em 2017 foram mais de 100 shows no Brasil e exterior, em mais de 70 cidades e mais de 50 mil pessoas no total, inclusive com passagens no exterior como Portugal, Holanda, Inglaterra, Irlanda e EUA.

Com uma média de 90 minutos de apresentação, Meirelles aborda assuntos que estão em alta tanto na política quanto nas redes.

Mesmo navegando em tópicos considerados polêmicos como depressão, feminismo dentro e fora do casamento, a gravidez da esposa, preconceitos que todos possuem, consegue de forma inteligente e direta direcionar o foco das piadas sem mostrar qualquer tipo de preconceito e com um humor ácido que viaja entre personagens fictícios como um casal de velhinhos, esses sim preconceituosos, e algumas pessoas na plateia que se destacaram, interagindo com o humorista.

Leia mais  Loja da Mobly traz espaços inspirados em Friends, Simpsons e Toy Story

No quadro O PRECONCEITO, próximo do final do show, a plateia é incentivada a deixar bilhetes na entrada do teatro contando seus maiores preconceitos, e durante alguns minutos Meirelles lê e comenta cada um deles de improviso.

No quadro WEBBULLYING, Maurício divide o palco com convidados especiais, em uma entrevista bastante descontraída e com humor ácido que lhe é característico, no final é escolhido a “vitima” que participa do WEBBULLYING, o momento mais esperado do show onde o comediante toma conta do perfil de uma pessoa nas redes sociais (Facebook, Whatsapp, etc…) passando a interagir com outras pessoas como se fosse o titular da conta.

Cosplays foi o tema dos convidados nesse dia.

Vale acrescentar que esse quadro é filmado no início da madrugada e mesmo assim há alguém online naquele momento interagindo com o apresentador.

O público interage ao vivo nas redes sociais

Classificação etária: 14 anos

https://mauriciomeirelles.com/

Adquira o seu ingresso:

http://www.teatrorenaissance.com.br/

Compartilhe:

Adicione seu comentário VIA FACEBOOK

Powered by Facebook Comments