Em cartaz | Projeto Gemini

Em cartaz | Projeto Gemini

10/10/2019 Off Por Surya Bueno
Projeto Gemini (2019) 1h 57min | Action, Drama, Sci-Fi | 10 October 2019 (Brazil) Summary: An over-the-hill hitman faces off against a younger clone of himself.
Countries: China, USALanguages: English
Projeto Gemini’ (GEMINI MAN) é um inovador thriller de ação estrelado por Will Smith como Henry Brogan, um assassino de elite, que é subitamente alvo e perseguido por um misterioso jovem agente que aparentemente pode prever cada movimento seu. 
 
 
 
Sinopse oficial
Henry Brogan (Will Smith) é o melhor assassino profissional do mundo, com uma taxa de sucesso maior do que de qualquer outro, mas, quando decide se aposentar, acaba se tornando um alvo da Agência de Inteligência de Defesa dos Estados Unidos, para quem trabalhava anteriormente. Enquanto luta para se manter vivo, ele se depara com um clone de si mesmo e descobre que as ações do governo americano são para esconder um grande segredo, que só Brogan, com toda sua experiência, é capaz de desmascarar.
 
O filme é dirigido pelo cineasta vencedor do Oscar® Ang Lee e produzido pelos renomados produtores Jerry Bruckheimer, David Ellison, Dana Goldberg e Don Granger. No elenco também estão Mary Elizabeth Winstead, Clive Owen e Benedict Wong
 
 

Assista ao vídeo de bastidores do filme, em que Will Smith, o diretor Ang Lee, o produtor Jerry Bruckheimer e os responsáveis pelos efeitos visuais da produção, Bill Westenhofer e Guy Williams, explicam como isso foi possível e dão detalhes sobre a tecnologia utilizada em ‘Projeto Gemini’.
O que faz;Projeto Gemini; ser tão especial é que temos dois personagens de diferentes gerações interpretados por um só ator. Eu interpreto o Henry, de 50 anos, e o Júnior, de 23 anos, que é enviado para matá-lo”, conta o protagonista.

Leia mais  Novo conceito de arte revela outra versão de Doomsday para Batman versus Superman

Criar um humano digital é uma das coisas mais difíceis em efeitos visuais. Isso não é envelhecimento, não é mudança facial. O Junior é uma criação completamente digital e 100% feita pela captação da performance do Will Smith, explica Bill Westenhofer, um dos supervisores de efeitos visuais.
Aos 23 anos eu não poderia interpretar o Júnior mas agora sou capaz de compreender e interpretar os dois personagens graças à minha grande experiencia como ator (…) Essa tecnologia vai mudar a forma como os filmes são feitas e vistos, completa Will Smith.

 
 
 
Compartilhe: