Rumor | George Lucas é chamado com urgência para “salvar” Star Wars

Rumor | George Lucas é chamado com urgência para “salvar” Star Wars

09/11/2019 Off Por Surya Bueno

Segundo publicação do site Cosmic Book News novos rumores chegaram à rede afirmando que George Lucas foi chamado para salvar Star Wars: Ascensão Skywalker, depois de testes de público que alegam ter sido um “desastre” completo.

Os rumores de Guerra nas Estrelas vêm do mesmo YouTuber responsável por esse boato que a Disney está perdendo a confiança em Brie Larson e na Capitão Marvel .

Nota: Possíveis spoilers a seguir, lembre-se disso.

Alega-se que existem três cortes de Star Wars: uma versão de Kathleen Kennedy / JJ Abrams que absolutamente se afundou no teste de triagem; um segundo com o CEO da Disney, Bob Iger; e um terceiro de George Lucas.

Dizem que as exibições dos testes de Star Wars foram feitas com um quarto de fãs hardcore, um quarto que se diz simplesmente fã, um quarto que conhece Star Wars, mas não compra mercadorias ou se considera grande fã, e um quarto de pessoas com a mesma probabilidade de assistir a um filme (público em geral).

Versão Kennedy / Abrams
Em relação à versão de Kennedy / Abrams, ele disse que o primeiro ato é considerado muito bom e marcou 65 na triagem do teste; no entanto, é tudo ladeira abaixo a partir daí.

O segundo ato marcou 12 e é considerado “realmente muito ruim”.

O terceiro ato marcou apenas um 4, com apenas o público em geral dando pontos.

A pontuação agregada para o corte de Kathleen Kennedy / JJ Abrams é de 29, simplesmente horrível.

Um enorme problema que a triagem dos testes teve foi quando Rey basicamente  destrói O Imperador, o que os fez explodir em gargalhadas.

Iger participou de uma das últimas provas de teste e é dito que está sendo melhor aceito.

Leia mais  Universal lança primeiro trailer de "Circulo de Fogo: A Revolta" durante Comic Con Nova York

“Rey não vence, tanto quanto literalmente pisa um buraco de lama na casa do Imperador -“, diz o Youtuber. “Quando isso acontece, todos os telespectadores caem na gargalhada.”

Dizem que Iger pediu um refazer, um retrabalho da segunda metade do primeiro ato e de parte do segundo.

Alega-se que Iger também quer Anakin e Luke”em carne e osso” (o Youtuber não tem ideia do que isso significa).

Diz-se que a triagem do teste de Iger para Star Wars: The Rise of Skywalker se saiu melhor com 65 pontos.

Versão de George Lucas
Com a versão Kenney / Abrams e a versão Iger com a pontuação não tão alta quanto se esperava, George Lucas, que se diz ter trabalhado em alguns escritos iniciais sobre o filme, oferece ajuda e incorpora a versão Kenney / Abrams e a versão Iger, mas durante o terceiro ato, George Lucas introduz um Skywalker secreto.

Diz-se que a versão de Lucas marcou 88 pontos.

Várias informações adicionais:
Embora alguns rumores afirmem que Star Wars: The Rise of Skywalker passou por uma grande reformulação, o YouTuber afirma que são cerca de 25% das três versões diferentes que foram refeitas.

O Youtuber oferece três possibilidades que podem acontecer:

Kennedy é demitida; Iger escolhe a versão de Lucas
Kennedy sai, o que é improvável, e Iger escolhe a versão de Lucas.
A data de lançamento será adiada para corrigir outras coisas (menos provável).
Alega-se ainda que a Disney gastou US $ 300 milhões adicionais após o “colapso” e que a demissão dos criadores de Game of Thrones foi um tiro na direção de Kennedy ( há rumores de que Rian Johnson também foi demitido).

 

Quanto à identidade do Skywalker secreto, isso é desconhecido.

Leia mais  Doutor Estranho | Confira o primeiro trailer legendado

Poderia ser um personagem existente (o Youtuber riu se for a Rose).

Meu pensamento: quem sabe? Talvez seja um novo personagem, um personagem que estrelará novos filmes, como Rian Johnson iria basicamente reiniciar a franquia com novas histórias e personagens, mas diz-se que a Disney não é mais a favor dessa abordagem. pois eles não querem mais incomodar o público hardcore e continuar se afastando dos conceitos principais.

O filme será lançado em 20 de dezembro de 2019.

Compartilhe: