Kelly Marie Tran de Star Wars faz o primeiro depoimento depois de deixar as redes sociais

21/08/2018 Off Por Surya

foi uma das vítimas de fãs tóxicos nas redes sociais. A atriz de : Os Últimos Jedi deixou as mídias sociais, após ser atacada por ‘fãs’ e, agora, Tran comentou sobre o ocorrido pela primeira vez.

“Não foram suas palavras, é que eu comecei a acreditar neles”, escreveu Tran, como convidada, no New York Times. “Suas palavras pareciam confirmar o que ser uma mulher e minoria já me ensinou: que eu pertenço às margens e espaços, válida apenas como uma personagem menor em suas vidas e histórias”.

“Suas palavras reforçaram a narrativa que escutei toda a minha vida: que eu era a ‘outra’, que eu não pertencia, que eu não era boa o suficiente, simplesmente porque eu não sou como eles. E essa sensação, eu percebo agora, era, e é, vergonha, uma vergonha pelas coisas que me fazem diferente, vergonha da cultura da qual eu venho. E, para mim, a coisa mais desapontadora é que eu senti isso tudo”, continuou a atriz.

Tran, que viveu a personagem Tico, em : Os Últimos Jedi, foi defendida, anteriormente, por Mark Hamill, o eterno Luke Skywalker e o diretor Rian Johnson, mas isso não foi o suficiente para silenciar os fãs tóxicos.

“Eu quero viver em um mundo no qual as crianças de diferentes etnias não passem suas adolescências querendo ser brancos”, escreveu Tran. “Quero viver em um mundo onde as mulheres não são sujeitas a escrutínio por suas aparências, ou suas ações, ou sua própria existência. Quero viver em um mundo onde as pessoas de todas as raças, religiões, classes socioeconômicas, orientações sexuais, identidades de gênero e habilidades sejam vistas pelo que elas sempre foram: seres humanos”.

“Eu sei que eu pertenço a um pequeno grupo de pessoas privilegiadas, que podem contar histórias para viver, histórias que são escutadas e assistidas e digeridas por um mundo que, por muito tempo, experimentou apenas uma coisa”, continuou a atriz. “Eu sei o quão importante isso é. E não estou desistindo. Você pode me conhecer como Kelly. Eu sou a primeira mulher de cor a ter um papel de destaque em um filme de . Eu sou a primeira mulher asiática a aparecer na capa da Vanity Fair. Meu nome real é Loan. E só estou começando”.

reprisará seu papel como em : Episódio IX, que será lançado em 19 de dezembro de 2019.

 

Fonte reprodução: Observatoriodecinema