92ª cerimônia de premiação do Oscar será realizada no Dolby Theater no Hollywood & Highland Center, em Hollywood, no dia 09 de fevereiro.

Coringa lidera indicações ao Oscar com 11 indicações e alcança a maior obra cinematográfica já feita pela DC, é o fato de o filme ter sido indicado na categoria máxima da premiação: o Oscar de Melhor Filme.

O documentário “Democracia em vertigem”, da diretora brasileira Petra Costa, foi indicado a melhor documentário no Oscar 2020.

“Democracia em vertigem” mostra o processo de impeachment de Dilma Rousseff e a crise política no Brasil, e foi lançado pela Netflix em junho de 2019.

A diretora mineira Petra Costa, de 36 anos, assinou os documentários “Elena” (2012) e “Olmo e a gaivota” (2014), premiados respectivamente nos festivais de Brasília e do Rio. Esta é sua primeira indicação ao Oscar.

MELHOR FILME

MELHOR ATOR

MELHOR ATRIZ

MELHOR ATOR COADJUVANTE

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

MELHOR ANIMAÇÃO

MELHOR FOTOGRAFIA

MELHOR FIGURINO

MELHOR DIREÇÃO

MELHOR DOCUMENTÁRIO

MELHOR DOCUMENTÁRIO EM CURTA METRAGEM

MELHOR EDIÇÃO

MELHOR FILME EM LÍNGUA ESTRANGEIRA

MELHOR CABELO E MAQUIAGEM

MELHOR TRILHA SONORA ORIGINAL

MELHOR CANÇÃO ORIGINAL

MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO

MELHOR CURTA ANIMADO

MELHOR CURTA METRAGEM

MELHOR EDIÇÃO DE SOM

MELHOR MIXAGEM DE SOM

MELHORES EFEITOS VISUAIS

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO

MELHOR ROTEIRO ORIGINAL

“A documentarista Petra Costa acompanhou o processo de impeachment de Dilma