Posts Relacionados

Chega uma hora que todo livro fica “igual”. Suas histórias podem ocorrer em diferentes épocas do espaço tempo, mas ficam nas mesmices.

Principalmente livros como séries adultas. E não estou falando de histórias como 50 Tons, mas sim de livros adultos.

Livros da série Irmandade da Adaga Negra, Novas Espécies e outros com o tema sobrenatural, acabaram caindo um pouco na mesmice, com seus guerreiros conhecendo sua companheira, lutando com algo que a quer destruir, passando por altos e baixos para no final ficarem juntos.

E quando me passaram 3 páginas do livro My Commander, não aguentei de tanto rir. Vamos a sinopse do livro.

Quando o assunto dos netos surge durante a reunião semanal do círculo semanal dos matriarcas das famílias fundadoras, eles decidem procurar a Elder Bruxa para verificar se os seus filhos têm companheiras e eles ficam chocados ao descobrir que muitas das companheiras de seus filhos são humanas!
Temendo que as futuras companheiras de seus filhos acabem morrendo antes de serem reivindicadas e lhes proporcionar netos para estragar, eles se convencem de que algo deve ser feito. Depois de reunir todos os guerreiros juntos em uma cerimônia de premiação falsa, a Elder Bruxa, faz um feitiço para “puxar” as companheiras dos homens para eles, quer eles queiram ou não.
Aiden está convencido de que ele não precisa de um companheira e que essa somente ficará em seu caminho, mal sabe ele que o destino está lhe enviando! Ele conhece a sua companheira destinada, Meryn Evans, e as coisas vão por água abaixo. Nas primeiras 24 horas ela chuta, grita e bate nele deixando-o inconsciente. Eles finalmente descobrem que a vida antes de se encontrarem pode ter sido boa, mas a vida depois é perfeita, ainda que envolva batalhas com tampas de privada e acidentes com granadas de mão.

A personagem principal Meryn! Não vou falar sobre Aiden, seus irmãos e os outros guerreiros. Vou ficar nela!

Meryn é nerd! Ponto final! Este é aquele estilo de livro que se você é nerd e tem ainda receios de partir para uma literatura “hot”, pode ir sem medo. Principalmente porque “hot” é algo bem morno aqui.

Logo em seu primeiro encontro com Aiden e seus guerreiros, ela já solta a frase “Não são os andróides que procura”. Santo Star Wars Batman! E durante a história temos muitas outras referência, principalmente ao universo de um certo Doutor, além de Senhor dos Anéis e Harry Potter.

Meryn além disso é focada em sua vida. Introspectiva e não gosta de sair. Mas não é a heroína chata que cai no primeiro encontro com um homem bonito, que não sabe o que quer da vida e tantos outros clichês chatos das “mocinhas de livros”. Ela é forte, é inteligente e decidida! E é nerd e muito engraçada.

Faz um bom tempo que não pegava um livro com esta temática que me prendia tanto. E principalmente um, em que ficava rindo no metrô e trem com as pessoas me olhando. E o pior é perder a sua estação.

Para se ter uma ideia de como o livro é bom. Agora parto para o segundo livro, My Protector. E espero que a narrativa continue a crescer.

E desta vez, mudo a frase final. Nada de cortinas!

Nos vemos na próxima história! Até a próxima!

22873996

PS.: Destaque para a compra no mercadinho de algo íntimo para mulheres… acho que todo homem deveria ler este livro, pois irão se sentir na pele destes guerreiros.

Vamos falar mais sobre o Superman

Adicione seu comentário VIA FACEBOOK

Powered by Facebook Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *